Querem sacrificar o carteiro para que o brasileiro não leia a carta, afirma Ciro Gomes

Na convenção nacional do PDT que oficializa sua candidatura neste momento, Ciro Gomes está explicitando parte de seu plano de governo com 12 passos para mudar o Brasil.

Ciro comenta também sobre os ataques que vem recebendo e afirma que sua única ferramenta é sua fala, por isso daí vêm os ataques ao novo projeto nacional de desenvolvimento que ele tem debatido.

Para isso, há grupos de interesses escusos, anti-nacionais, rentistas, entreguistas e plutocráticos que centralizam os ataques na figura pessoal de Ciro no intuito de silenciar as denúncias e propostas que ele traz. Segundo ele, “querem sacrificar o carteiro para que os brasileiros não leiam a carta“.

Confira os 12 passos como eixos apresentados por Ciro Gomes para mudar o Brasil:

1- Geração de empregos

2- Recuperar e modernizar a infraestrutura

3 – Desenvolvimento e meio ambiente

4 – Ciência, tecnologia e inovação

5 – Investir maciçamente na Educação

6 – Aprimorar o SUS para melhorar o atendimento na Saúde

7 – Combater o crime com inteligência policial e proteção aos jovens

8 – Criar, manter e ampliar os programas sociais

9 – A cultura como afirmação da identidade nacional

10 – Respeitar a todos os brasileiros

11 – Combater a corrupção

12 – Soberania nacional, defesa e relações exteriores

Ao final do discurso de Ciro, todos os presentes no evento de lançamento da candidatura entoaram, em referência à luta pelas questões de interesse nacional e pela soberania, trecho do Hino da Independência, que diz “Brava gente brasileira/ Longe vá, temor servil/ Ou ficar a pátria livre/ ou morrer pelo Brasil“.

Deixe uma resposta

cinco + 10 =